Mirna Graciela
Tubarão

O terceiro homicídio do ano, em Tubarão, foi registrado ontem à noite. Solon Houthalsen, de 51 anos, foi encontrado morto em uma residência na avenida José Acácio Moreira (da Unisul), no bairro Dehon. Ele possuía um projétil alojado no lado esquerdo do abdômen.
O caso veio à tona quando o Corpo de Bombeiros de Tubarão foi acionado, por volta das 21h15min, por populares, para combater um incêndio na propriedade. As chamas atingiam uma casa menor, atrás de outra residência, em um mesmo terreno.

A vítima foi encontrada pelos profissionais no banheiro. O homem estava com parte do corpo carbonizada, de joelhos, com a cabeça entre as pernas.
O Instituto Geral de Perícias (IGP) foi acionado, bem como a Polícia Militar. As investigações, agora, ficam a encargo da Divisão de Investigações Criminais (DIC) .
Com este assassinato, são cinco homicídios na Região Metropolitana de Tubarão. Um ocorreu em Imbituba, um em Treze de Maio e os outros três em Tubarão.