Karen Novochadlo
Braço do Norte

Neste domingo, será realizada a eleição para a nova presidência da Cooperativa de Energia de Braço do Norte, a Cerbranorte. Três chapas concorrem para preencher os cargos de presidente, vice-presidente, secretário, dentre outros.

Em uma das chapas, está o vereador licenciado Ronaldo Fornazza (DEM) que concorre à vaga de presidente e tem Ednei Wiggers como vice. Entre as propostas, está a construção de uma nova subestação e a instalação de uma hidroelétrica de geração de 12 megawatt de energia no Rio Capivari. “Já temos um terreno, mas precisamos tirar essa ideia do papel. O nosso objetivo é energia mais barata para os associados”, propõe.

Uma nova subestação também está nos planos do outro candidato à presidência, Roberto Kinderman, que tem como vice o vereador Nivaldo Ricken (PMDB). “Poderemos baixar a energia em até 20%”. Outra proposta é a construção de um consultório odontológico para atender os associados, que hoje é inexistente.

A redação do Notisul tentou contato com o outro candidato, Antônio da Silva, o Toninho do Colonial (PP), mas não obteve sucesso. Na sua campanha, divulgou que a sua gestão terá como compromisso a transparência na administração, e atenderá às necessidades dos associados. Para vice-presidente, concorre Manuel da Silva (PMDB), o Nelo.

Mais de mais de 16 mil associados poderão comparecer às urnas. A Cerbranorte, hoje, é a maior cooperativa de energia da região. Além de Braço do Norte, atende consumidores em Rio Fortuna.