Tatiana Dornelles
Tubarão

Ainda pairam no ar diversas dúvidas quanto ao desbloqueio gratuito de celulares. Entre as informações contraditórias por parte das operadoras, um jogo de empurra-empurra e cobranças indevidas para realizar o serviço são comuns aos ouvidos do usuário. Há cerca de um mês, a Anatel determinou, no novo regulamento do serviço móvel pessoal (SMP), que o desbloqueio é obrigação da operadora de celular. E boa parte dos consumidores ainda não sabe como exercer esses direitos.

Segundo determinação da Anatel o desbloqueio gratuito vale tanto para os celulares de conta (pós-pagos) quanto para os que funcionam com cartão (pré-pagos). Em testes realizados ontem, houve muita contradição por parte das empresas de revenda. Com dois celulares, um da TIM e outro da Brasil Telecom, eu, Tatiana Dornelles, tentei desbloquear os telefones móveis. Em vão.

Em uma revenda da TIM Celular, em Tubarão, a informação da funcionária era que o desbloqueio deveria ser feito através do *144. “Através deste número, o desbloqueio é realizado em no máximo 72 horas. Contudo, tem demorado um pouco mais. Aqui, também realizamos o serviço, através da assistência técnica, porém, dependendo do aparelho, o preço varia de R$ 25,00 a R$ 30,00 para desbloquear o aparelho”, explicou a vendedora.

Ao tentar para o número indicado (*144), foi informado que este serviço não é mais realizado através da central. “Desde o dia 4 de março o serviço de desbloqueio não é mais realizado por nós, e sim com a revenda autorizada. Todas as lojas receberam comunicado a respeito e, caso haja informações contrárias, o ideal é procurar o gerente”, ressalta a operadora de telemarketing da TIM. Segundo ela, o consumidor deve comparecer na revenda com nota fiscal do aparelho, carteira de identidade e CPF. O desbloqueio, completa ela, deve ser gratuito.

Na Brasil Telecom, através da central da operadora, a atendente explicou que o usuário tem que ficar com o aparelho durante 12 meses. Após o período, denominado de fidelidade, o desbloqueio deve ser realizado gratuitamente. “Se passar de um ano de fidelidade com o aparelho, pode ser desbloqueado de graça”, ressalta.