Bombeiros de Tubarão foram os mais acionados de toda a região. Vários atendimentos foram registrados. - Foto: Kalil de Oliveira/Notisul.
Bombeiros de Tubarão foram os mais acionados de toda a região. Vários atendimentos foram registrados. - Foto: Kalil de Oliveira/Notisul.

Tubarão

Uma menina de 8 anos morreu na tarde de ontem em decorrência das chuvas e vendavais que atingiram o Sul catarinense. A criançã estava em um carro que foi atingido por duas árvores no bairro São João, em Tubarão. Bombeiros retiraram o corpo, que foi recolhido ao Instituto Médico Legal (IML). O pai da criança foi hospitalizado em estado de choque. Também chegou a  cogitar que três pessoas estavam desaparecidas. Cerca de 90% das casas foram destelhadas na Cidade Azul.

Os temporais que atingiram a região entre a tarde e noite de ontem, além de provocar diversos estragos e acidentes, deixavam mais de 65 mil unidades consumidoras sem energia elétrica entre Garopaba a Braço do Norte, por volta das 22h30, segundo a Defesa Civil.

Segundo técnicos da Celesc, uma linha de transmissão da Eletrosul, que vai de Tubarão a Palhoça, na Grande Florianópolis, foi danificada. Todas as equipes de empreiteiras e sobreaviso foram acionadas para trabalhar até o sistema ser restabelecido. Equipes deslocavam-se de outras regiões para Tubarão, em total de 20 grupos.

Caminhão tomba na pista da Ponte Anita Garibaldi com força do vento 
Um caminhão tombou sobre a Ponte Anita Garibaldi, na BR-101, em Laguna, por causa das fortes rajadas de vento da tarde de ontem, por volta das 17h45min. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF) de Tubarão, o tombamento ocorreu no quilômetro 314 e a pista da direita ficou obstruída. A previsão é que a carreta com placas de Joinville seja retirada somente hoje. O motorista não sofreu ferimentos. 

Em Araranguá, Balneário Arroio do Silva e Balneário Rincão, um tsunami meteorológico foi registrado. Uma onda gigante  levou banhistas e veículos para o mar. Um homem que estava de jetski na Cidade das Avenidas realizou o resgate de várias pessoas. Vários carros ainda estão no mar. O fenômeno é considerado raríssimo no Brasil.