Laguna

Mar Grosso, Magalhães, Barranceira, Progresso, Juliana e outros bairros de Laguna ficaram sem coleta de lixo ontem, mas os moradores podem respirar tranquilos. A empresa Louber, de Pescaria Brava, que interrompeu o serviço por falta de pagamento do poder público, retomará hoje com as atividades.

Um depósito de R$ 59 mil foi honrado por volta das 16 horas, em uma negociação com a prefeitura da Cidade Juliana. "O secretário Henio Marcelino conversou com a empresa e se comprometeu a continuar o acerto com R$ 50 mil por semana", explicou um representante da Louber.

Marcelino, que é secretário da Fazenda, Administração e Serviços Públicos, explicou que  trabalha com as contas sob controle e a situação se assemelha a de outros municípios da região. "As outras cidades têm os mesmos problemas, talvez em uma proporção menor, mas a falta de recursos é uma realidade", justificou.

As dívidas com a Louber, que passavam de R$ 400 mil, podem chegar a R$ 500 mil com o fechamento deste mês. A Louber procura formalizar o acordo com a prefeitura, por meio de um ofício.Sem citar nomes, a empresa confirmou que outras prefeituras também possuem débitos para saldar. Entretanto, ainda não a ponto de interromper o serviço.