Tubarão

A obra de ampliação da avenida Rodovalho, no centro de Tubarão, deverá ser feita em 2010. A prefeitura negocia com a construtora Barbosa Moura a desapropriação de dez metros para abrir a rua. Com isso, a via, paralela à avenida Marcolino Martins Cabral, permitirá o fluxo de veículos do centro até o bairro Aeroporto.

A propriedade, antes da família Feuerschuette, foi vendida à construtora há alguns meses. O antigo casarão foi demolido e, no local, será erguido um prédio. “Estamos negociando os valores da desapropriação. Esse processo está bem avançado. No momento, não podemos adiantar mais informações. Mas estamos otimistas”, afirma o secretário-adjunto de indústria e comércio da prefeitura, Alberto Botega. Ele ficou encarregado de intermediar as negociações.

Como o processo de desapropriação deve estender-se por mais algum tempo, a obra só sairá mesmo no próximo ano. “Não temos ainda uma definição de quando começará, mas será em 2010. Os recursos serão da prefeitura, já que não deverá ser uma obra que demande grandes valores”, observa o secretário-adjunto. Segundo Alberto, o projeto da rua ainda não está pronto. “Isso não deverá ser um empecilho. Pois é um projeto simples e isso é rápido de fazer”, avalia. Ainda não há estimativa de quanto será gasto para ampliar a avenida.