WhatsApp Pay – será que ainda vale a pena aderir? Como funciona?

Em agosto de 2020 o Facebook, dono do WhatsApp,  tentou emplacar no Brasil o WhatsApp Pay. O sistema de pagamento e transferência de dinheiro utilizando o mensageiro como meio. No entanto, naquele momento acabou sendo bloqueado pelo Banco Central. De tal forma que teve que esperar a entrada em funcionamento do PIX e também fazer alguns ajustes.

Naquele momento o Banco Central entendeu que não haveria concorrência e assim, o facebook acabaria monopolizando este mercado. Uma vez que não haveria concorrência. Mas agora com o PIX passou a ser apenas mais um a oferecer o serviço.

Para alegria de alguns, e receio por outros, enfim o serviço foi autorizado no final de março. E assim, aos poucos o aplicativo dos mais de 120 milhões de usuários Brasileiros começaram a ser atualizados com a disponibilização do novo serviço.

Como é algo muito recente, do último dia 4 de maio de 2021, até agora um grupo bem limitado recebeu essa nova versão. Portanto, ao longos dos próximos dias os demais usuários também deverão ter seu aplicativo atualizado. O Brasil será o segundo país a ter esse serviço. Hoje já presente na Índia.

Como vai funcionar WhatsApp Pay

Antes de mais nada, o WhatsApp Pay não será uma carteira digital, e muito menos uma Fintech. Apenas irá intermediar a transferência de recursos de um usuário para outro por meio do mensageiro. Assim,  ainda será necessário que o utilizador ter um cartão de débito ou pré-pago das bandeiras VISA ou MASTERCARD.

Para aqueles que já tiverem a função liberada, o envio de dinheiro ocorrerá pelo seguinte passo:
1. Clique sobre o “clipe”, e lá além das opções de enviar foto, documento, etc. Também terá a opção pagamento.
2. Defina o valor a ser envido.
3. Se for a primeira transação, será necessário cadastrar um novo cartão de débito ou pré-pago.
4. Antes, porém, será necessário aceitar os termos do serviço.
5. Em seguida, vai ser preciso criar um PIN com 6 dígitos (que será a senha para as futuras transações) e confirmar ela na tela seguinte.
6. Depois, inserir seus dados pessoais.
7. Dados do cartão de débito ou pré-pago.
8. Escolher um meio para receber o código de confirmação do cartão.
9. Confirmar o cartão.

E pronto, já poderá enviar o valor escolhido para o destinatário. O qual, terá que também fazer os mesmos passos para poder receber o dinheiro.
Na imagem a seguir é possível ver um print das principais telas citadas nos passos anteriores.

Quais Bancos aderiram ao serviço
• Banco do Brasil: Visa
• Banco Inter: Mastercard
• Bradesco: Visa
• Itaú: Mastercard
• Mercado Pago: Visa
• Next: Visa
• Nubank: Mastercard
• Sicredi: Mastercard e Visa
• Woop, a conta digital da Sicredi: Visa
WhatsApp Pay ainda vale a pena?

Na minha opinião não mais. Não da forma que ele foi autorizado. Já que é necessário ter um cartão para poder utilizá-lo, significa que a pessoa já é correntista de um banco ou uma Fintech. E para estas pessoas que já tem contas em instituições bancárias oficiais, agora com a entrada em operação do PIX, não valerá mais. Já que pessoas físicas conseguem transferir qualquer valor entre si, 24/7 e ainda de graça por enquanto.

E ainda, como essas transferências só podem ser feita entre pessoas físicas, também acabam limitando bastante o serviço. Ou seja, na forma que o serviço foi disponibilizado hoje, ele acaba sendo muito pouco atrativo. Sobretudo para quem já tem as chaves PIX cadastradas.

 

Limites de Transferência

As transferências estarão limitadas ao envio de até R$ 1.000 por vez. E o recebimento de até 20 transações por mês. Tudo isso limitado ao valor de até R$ 5.000 por mês.  E cada banco poderá ainda, impor outros limites menores, se assim entender.

Cuidado com os Golpes que virão com o WhatsApp Pay

Como todo o serviço que envolve dinheiro, ou mesmo o mensageiro instantâneo, é certo que muito em breve golpes começaram a ser aplicados se passando pelo serviço. Assim, não custa nada reforçar algumas boas práticas

• NÃO será necessário baixar nenhum programa extra, pois tudo ocorrerá pelo aplicativo já instalado hoje no Smartphone.
• Se receber alguma mensagem, SMS, ou qualquer link te convidando para atualizar o aplicativo, NÃO CLIQUE. Só atualize o aplicativo do WhatsApp nas lojas oficiais. Sejam elas da Apple ou Android.
•  Se receber alguma mensagem dizendo que recebeu dinheiro de algum estranho sem pedir. IGNORE e BLOQUEIE o remetente. É bem provável que também seja golpe.
• E JAMAIS compartilhe os códigos de 6 dígitos recebidos por SMS. Sejam com qual argumento forem.
São muitas as formas que os estelionatários usam para tentar clonar (roubar mesmo) o número do WhatsApp de pessoas de bem. Bem como tentar extorquir ou roubar dinheiro pelos meios digitais. A seguir vou deixar a indicação de alguns vídeos que abordo algumas práticas comuns, bem com aumentar sua proteção.
CUIDADO para não ter seu WhatsApp clonado
ATENÇÃO: golpes pelo Direct do Instagram
ATENÇÃO: não cadastre essas chaves no PIX
Como ativar a Confirmação em 2 etapas no Whatsapp

Tutorial
Para quem preferir, preparei um vídeo mais detalhado sobre o WhatsApp Pay.  O vídeo está disponível no YouTube em: https://youtu.be/Tz3cs_B2J1I

 

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul