Home Office

Estudos comprovam que a roupa tem influência direta em como nos percebemos, por que você acha que existem os pijamas? Roupa de dormir não é roupa de trabalho, e vice versa.

Parece que esse tal de Home Office veio pra ficar. Desde o começo da pandemia, fomos forçados a ficar em casa e muitas pessoas tiveram a oportunidade de continuar seus trabalhos no conforto do lar, e eu digo oportunidade porque muitos empregos foram perdidos com toda essa loucura, e continuar trabalhando em meio a tanta crise é um privilégio.

Acabamos percebendo o quanto da vida estávamos perdendo indo ao trabalho fora de casa, muitos pais puderam passar mais tempo com seus filhos, economia de tempo sem precisar pegar trânsito, economia de dinheiro gasto com transporte, enfim, muitos benefícios.

Mas o Home Office exige uma disciplina ainda maior, e existem alguns pontos importantes que devemos ficar atentos, um deles é a vestimenta, e é nesse ponto que quero tocar aqui.

Por mais que em casa estamos isolados do convívio social e não necessitamos vestir uniforme ou usar a roupa adequada que cada trabalho exige, a maneira como você se veste influencia muito sua performance.

Estudos comprovam que a roupa tem influência direta em como nos percebemos, por que você acha que existem os pijamas? Roupa de dormir não é roupa de trabalho, e vice versa.

Quando você vai pra cama está com intenção de descansar, relaxar, se desconectar, e os pijamas trazem todas essas sensações através dos tecidos, estampas, modelagens e texturas, todos esses elementos criam a sensação de bem estar que precisamos para dormir, então usar de intenção para se vestir faz total sentido, seja onde for.

Será que trabalhar de pijamas faz sentido? A reflexão que eu quero colocar aqui é que em Home Office podemos ser mais flexíveis sim, nada de salto alto ou super produção, é obvio que, se faz sentido para você ter a mesma rotina do vestir em casa, com certeza vai te beneficiar num melhor desempenho.

Você já percebeu como as vitrines estão cheias de conjunto de moletom com modelagem diferenciada, cores vibrantes e os tênis estão mais em alta do que nunca? As tendências se adaptam ao novo estilo de vida do agora, e não é porque estamos em casa que devemos nos descuidar com o vestir.

Ao acordar pela manhã, tente pensar em como você quer se sentir, pense em todas as suas atividades e o que elas exigem de você, escolha sua roupa com consciência e intenção, priorize o conforto mas com capricho, perceba o quanto isso pode te ajudar a realizar suas tarefas com mais foco e satisfação, e se aparecer uma reunião on-line você estará pronto.

Muitas empresas já estão se adaptando a essa nova realidade, acho que o Home Office pegou mesmo, então siga firme e não se perca no pijama.