#Pracegover Foto: na imagem há um homem de camisa preta e óculos e próximo a ele um painel com os astros
#Pracegover Foto: na imagem há um homem de camisa preta e óculos e próximo a ele um painel com os astros

O eixo nodal desse eclipse solar é Gêmeos/Sagitário. Esse eixo oferece uma rara oportunidade de sincronizar nossas percepções da realidade.  Uma Lua Nova poderosíssima, simultânea com o solstício e a entrada de Júpiter e Saturno no aéreo signo de Aquário.

Um printscream do número 12 (zodíaco) fica um 21 no seu reflexo. 21 de dezembro, também é o dia de máxima proximidade entre esses dois astros, vistos daqui da terra. Uma base bem firmada para abraçar um novo mundo de possibilidades nunca antes imaginadas. 21 é a inversão elétrica e kármica dos 12 signos. O futuro do pretérito vai ter um novo passado pra recomeçar.

A crise de identidade dos sargentos/saturninos, que são pessoas zelosas da manutenção da ordem e das hierarquias. Que ordem? que hierarquia? e para o progresso de quem?
2021, a partir desse eclipse, terá a marca da ressaca de quem saiu para beber (Júpiter) e voltou casado com a ’’Fiona’’.

Outra coisa curiosa deste mapa é o semi-sextil (30 graus), formado entre Plutão e essa lunação. O efeito pandemia agora estendendo-se a outros ciclos que não só os da saúde, mas da cadeia produtiva, do mercado rentista especulativo e do crime organizado.

Aqui se vai desde o choque das facções rivais a rachas nos grupos hegemônicos do poder e da política. O crescimento da influencia de Netuno tende a acelerar ainda mais esses processos.

 

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul