#Pracegover Foto: na imagem está chovendo e tem um guarda-chuva
#Pracegover Foto: na imagem está chovendo e tem um guarda-chuva

Ninguém está fazendo nada, ou se quer sabe o que vai acontecer. Mesmo assim, temos cada vez menos tempo de nada fazer!?!!

Talvez porque não saibamos muito bem o que estamos fazendo. Estamos desperdiçando o nosso tempo de vida, num consumismo que nos consome, sem sequer imaginar que isso pode estar sendo feito porque alguém assim o deseje.

Sair desse feitiço do tempo, dessa auto-sabotagem a qual me submeto, apenas para me sentir aceito, quando, na verdade, a regra é uma só:Ninguém será aceito, eliminar para não ter concorrencias.

Sair desse auto-engano, desse autoflagelo, deixarmos de ser as oferendas vivas ofertadas a um Deus chamado Capital. Mesmo que seja isso o que está todo mundo fazendo, não significa que seja a coisa certa a ser feita e definitivamente não é.

A escolha é simples, aguardar inerte até ser ”sorvido, restartado e descartado, ou compreender que existe um ritmo, até mesmo na turba lá fora. Aprender como o funcionam tais mecanismos. Tratar de ficar firme sem deixar-se levar por nenhuma opinião, mas sim pelos fatos.

Mas… e se não se tiver os fatos?
Então, pelo menos, não opine. Uma medida muito simples e imparcial, mas que pode evitar uma guerra nesses tempos de mídia social/tribal.

Essa guerra já está acontecendo. É pela tua adicção/submissão a um regime de escravidão pelo medo. A opinião da maioria, é sempre de uma maioria que tem mais medo. E assim caímos na armadilha.

Um exemplo claro disso são as políticas pro armamentistas de liberação de armas de fogo. Pelo medo as pessoas se convencem de comprar armas e fatalmente terminarão por usá-las, aumentando o medo e a venda de mais armas. A naturalização do extermínio.

É um brete emocional psicologicamente armado, com mensagens subliminares, fake news , noticias apocalípticas e terrorismo midiático. A Lua Nova, na última semana, aproveitou um cochilo de Netuno (sêxtil) e abriu a caixa de Pandora. Tudo é possível a partir de agora, inclusive o que tu acabaste de ler.

 

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul