Mais que deixar-nos guiar pelo Espírito, o que na maioria das vezes fazemos é impor-lhe as coisas uma vez que já tomamos as decisões e queremos apenas que Deus as execute ou confirme. E o que hoje Jesus nos diz é bem diferente: deixar que Ele nos guie.
Permitir que o Espírito de Verdade nos leve a reconhecer tudo aquilo de falso que possa haver nas nossas vidas e nos faça corajosos para desejar e fazer a mudança. Pedir que ponha luz em nossos corações para que reconheçamos também aquilo que de autêntico há dentro de nós e que já participa da verdade divina. Isto nos despertará a gratidão.
Que esta luz ilumine a nossa vida quotidiana. Sobre isto iremos refletir no dia de hoje na missa em Oficinas, às 19h30.