Eu amo o Senhor, porque ouve
o grito da minha oração.
Inclinou para mim seu ouvido,
no dia em que eu o invoquei.
Prendiam-me as cordas da morte,
apertavam-me os laços do abismo;
invadiam-me angústia e tristeza:
eu então invoquei o Senhor:
Salvai, ó Senhor, minha vida!’
 O Senhor é justiça e bondade,
nosso Deus é amor-compaixão.
É o Senhor quem defende os humildes:
eu estava oprimido, e salvou-me.
Ó minh’alma, retorna à tua paz, *
o Senhor é quem cuida de ti!
Libertou minha vida da morte,
enxugou de meus olhos o pranto
e livrou os meus pés do tropeço.
Andarei na presença de Deus,
junto a ele na terra dos vivos.