Desenvolver as práticas espirituais e conquistar o bem-estar psíquico-espiritual pode ajudar a reduzir os riscos de declínio cognitivo do envelhecimento e da doença de Alzheimer. Sim, os aspectos da religião como a socialização ou a convivência com pessoas de mentalidade semelhante, a aceitação e o perdão de si mesmo e dos outros, a paciência, a compaixão e empatia para com você e para com terceiros, os serviços de voluntariado são indicados como benéficos na desaceleração e prevenção do Alzheimer. (Cf. Vanderlei Lima – eremita)

Em tempo: Toda quarta-feira 19h30min, missa da saúde e novena em Oficinas