Deus de amor, cuja compaixão nunca falha, apresentamos-te os sofrimentos da humanidade, as necessidades daqueles que não têm um lar, o grito dos presos, as dores do enfermo e do ofendido, a tristeza do desconsolado, o desamparo dos idosos e dos fracos.
Fortalece-os e alivia-os, Pai, segundo as suas necessidades e à tua grande misericórdia, por teu filho Jesus Cristo, nosso Salvador. Amém!

Em tempo: Hoje, temos a missa com oração pelos enfermos e sofredores na Matriz de Oficinas, às 19h30min.