No fragmento do Evangelho de Marcos encontramos varias considerações sobre os pequeninos. «Algumas pessoas traziam crianças para que Jesus as tocasse. Os discípulos, porém, as repreenderam» (Mc 10,13). Mas o Senhor, que se faz tudo para todos, com maior certeza se faz com as crianças. Assim, «Vendo isso, Jesus se aborreceu e disse: ‘Deixai as crianças virem a mim. Não as impeçais, porque a pessoas assim é que pertence o Reino de Deus´» (Mc 10,14). A caridade é ordenada: começa pelo mais necessitado. Quem está, pois, mais necessitado, mais “pobre” do que uma criança indefesa? Todo mundo tem direito a aproximar-se de Jesus; e a criança é a primeira que gozara deste direito: «Deixai as crianças virem a mim» (Mc 10,14). Obrigado a você nosso benfeitor do CEACA – Centro de Apoio à criança e ao adolescente, de Capivari de Baixo (Pe. Luis Bruguera)