Professora Dra. Josiane Somariva Prophiro
Pesquisadora e docente do Programa de Pós-graduação em Ciências da Saúde e Programa de Pós-graduação em Ciências Ambientais da Universidade do Sul de Santa Catarina.

 

Ah…o Amor! Opa! Vamos falar do amor entre os mosquitos.

Sabe aquele som que nos acorda na melhor hora de sono, aquele “zuumm”? Pois então, esse zunido é produzido pelo movimento das asas dos mosquitos durante o voo. E esse som é produzido tanto pelo mosquito fêmea, que está nos sobrevoando atraída pelo perfume humano (sim, mosquitos usam o olfato!) para saborear uma deliciosa refeição sanguínea cheia de nutrientes, quanto pelo mosquito macho que está à espera de uma possibilidade de acasalamento.

E esse “zuumm”, efeito do movimento das asas, também é um sinal de comunicação durante o namoro entre os mosquitos. Logo, a audição é essencial para o namoro deste importante animal capaz de transmitir patógenos (microrganismos que podem causar doenças). Os machos localizam as fêmeas através do reconhecimento do tom de voo e ambos os sexos se envolvem em comunicações acústicas no ar, que podem ocorrer em enxames contendo vários indivíduos.

Os tons são mais bem detectados pelas antenas do macho, que são mais plumosas que as da fêmea, possuem um órgão sensorial maior e são mais sensíveis à vibração. Mas a fêmea também ouve e responde aos tons de voo do macho e, ambos os sexos, durante o namoro, alteram seus tons de voo para uma frequência comum. Após isso, o par permanece junto em voo durante o acasalamento. E então, love is in the air!

Após o acasalamento a fêmea continuará nos sobrevoando atrás de sangue para a produção e desenvolvimento de seus ovos. Durante o sobrevoo a fêmea selecionará quem será o humano a ser picado! Sim, algumas pessoas são mais atrativas à picada das fêmeas de mosquitos. Diversos fatores contribuem para a atratividade diferencial, alguns exemplos são pessoas com maior produção de CO2 ou mulheres que estão gestantes.

Quer ficar protegido deste “zuumm” ou da picada e consequentemente possível transmissão de patógenos que causam doenças? Aproveite para escolher um bom produto repelente e fazer aquela limpeza que o quintal e/ou jardim estão precisando para retirar os possíveis criadouros de mosquito. Ah, e não se esqueça de lembrar o seu vizinho de fazer o mesmo, afinal de contas, mosquitos se deslocam por centenas de metros.

 

Você sabia?

Os mosquitos existem desde antes do surgimento dos seres humanos, e os mosquitos que evoluíram para se alimentar de sangue humano adaptaram seu incrível olfato para procurar e distinguir os seres humanos de outros animais.

 

Fique atento!

O Programa de Pós-Graduação em Ciência da Saúde está com inscrições abertas para mestrado e doutorado. Interessados acessar o link: http://www.unisul.br/presencial/mestrado/mestrado-em-ciencias-da-saude/ e http://www.unisul.br/presencial/doutorado/doutorado-em-ciencias-da-saude/.
O Programa de Pós-Graduação em Ciências Ambientais está com inscrições abertas para mestrado. Interessados acessar o link: http://www.unisul.br/presencial/mestrado/mestrado-em-ciencias-ambientais/