Quantas vezes no ano você acorda cedo para admirar o nascer do sol? Ou, quantas vezes no ano você se entretém com o pôr do sol? Pense por alguns minutos!
Quase todos os dias eu busco ter o deleite de poder observar o nascer do sol. Como eu acordo todos os dias às 5h30min para estudar, assim quando o sol está nascendo faço uma pausa no que estou fazendo e vou admirá-lo. Adoro isso! O silêncio da manhã, o barulho do mar ao fundo e o nascer do sol no horizonte.

Porém, o sol nunca se põe. Essa é a pura realidade. O nascer ou o pôr do sol é apenas uma impressão criada pela perspectiva limitada do observador. E, ainda assim, que sublime ilusão é. Ou não? Pelo sim, ou pelo não vale dizer que se você faltou às aulas de ciências do ensino fundamental eu acredito que acabei de surpreender você com essa notícia. Se sim, relaxe! Muitas pessoas já morreram por afirmar que a terra era redonda. Ou você também acha que o planeta terra é quadrado? Pois é, na correria do dia a dia não costumamos parar para pensar nestas coisas. É, ou não é?

Também é sabido que os dias e as noites derivam do movimento de rotação – aquele em que a Terra faz ao redor de si, do seu próprio eixo. Mas você sabia que nem sempre se pensou assim?

Até o início do século 17, acreditava-se que a Terra ficava imóvel no centro do Universo e que o Sol, os planetas e as estrelas giravam ao seu redor. Na época, pensava-se até que, se a Terra girasse, os animais acabariam tontos! Parece piada, mas não é. Você já sabia disso? Ou não?

De acordo com a Revista Online Ciência Hoje, o cientista que imaginou um universo diferente do que a igreja pregava foi o astrônomo polonês Nicolau Copérnico (1473-1543). Segundo sua teoria, o sol estava no centro do Universo e os planetas giravam ao seu redor. Na época, Copérnico não conseguiu provar que o universo se organizava dessa maneira. Mesmo assim, foi advertido pela igreja por estar se intrometendo em assuntos religiosos.

Quem primeiro verificou que o Universo era bem diferente daquele que a igreja aceitava foi o cientista italiano Galileu Galilei (1564-1642). Isso fez com que cada vez mais cientistas mudassem sua maneira de pensar, chegando a provar, finalmente, que era a Terra que se movia ao redor do sol.

Agora que você entendeu que tudo é uma questão de ponto de vista é bom eu abrir o jogo e revelar qual a minha intenção deste texto de hoje. Mesmo que ler sobre as descobertas da ciência é uma coisa empolgante (pelo menos para mim), acredito que se eu não for direto ao ponto agora neste exato momento você vai perder o interesse da leitura, ou não?

Contudo, cabe dizer que se você não desistir da leitura deste texto você pode salvar o seu emprego ou possivelmente ser aprovado naquela seleção da tão sonhada vaga de emprego. Ficou interessado?

Então para finalizar -, nos dias de hoje com toda essa efervescência política no Brasil, onde os debates costumam ser acalorados e muitos destes acabam em insultos pessoais e tal, é bom lembrar que política, religião e futebol se discute sim! O que deve ser evitado é o fanatismo. E como já disse o teólogo, escritor e professor, Leonardo Boff: ‘Todo ponto de vista é a vista de um ponto’. Pense nisso!

Mural de Vagas
• Contrata-se engenheiro de segurança do trabalho. Outras informações pelo twitter @ahoradoemprego;
• Agência bancária de Imbituba seleciona estagiário. Outras informações pelo site vagas.com.br;
• A empresa Inmes, em Braço do Norte, contrata inspetor da qualidade e auxiliar de montagem. Necessário curso técnico completo na área de mecânica. Interessados devem enviar currículo para: rh@inmes.com.br;
• Hospital Nossa Senhora da Conceição contrata farmacêutico. Interessados devem enviar o currículo para recrutamento@hnsc.org.br, com o nome da vaga no assunto do e-mail.