Este espaço que uso aqui no jornal há quase dez anos sempre se pautou da observação de que precisamos nos ajudar na luta diária deste cada vez mais competitivo mercado de trabalho. Não obstante, todas as semanas busco temas relevantes neste sentido. Quando sento para escrever esses textos me coloco no lugar do leitor em busca de alguma dica preciosa para conquistar uma oportunidade profissional. Mesmo que às vezes sinto que poderia contribuir mais.

Diante disso, cabe ressaltar aos meus leitores, mesmo acreditando que já saibam, mas não custa lembrar que -, toda segunda-feira, às 13 horas, estou na tela da Unisul TV com o Programa a Hora do Emprego. Ademais, quero pedir a sua ajuda para divulgar o programa. Caso você conhece alguém que precisa de uma ajuda para conseguir uma oportunidade no mercado de trabalho fale para assistir a Unisul TV toda segunda-feira, às 13 horas.

Dito isso, em busca de assunto para escrever este texto de hoje, deparei-me no canal do ensino na internet com uma reportagem sobre o Programa Brasil Mais TI. O programa é uma iniciativa do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI) e do Ministério da Educação (MEC) com gestão da Softex.

Olha que legal. Por que eu digo isso? Veja bem, o Brasil pode perder bilhões por falta de profissionais de Tecnologia da Informação. Se a escassez de mão de obra no setor de Tecnologia da Informação (TI) persistir, o Brasil pode deixar de arrecadar R$ 115 bilhões em receitas, em 2020, por causa da falta de profissionais. Entendeu agora? Então, qualificar profissionais para o setor é urgente.

A tecnologia de rede emergente requer trabalhadores qualificados em vídeo, nuvem, mobilidade, datacenter & virtualização, big data, segurança cibernética, Internet das coisas e desenvolvimento de software, além das habilidades básicas. As empresas do setor estão de cabelo em pé sem saber para onde correr em busca de profissionais. Bom que, o governo percebeu essa lacuna e criou esse programa bacana para qualificar a mão de obra para o setor.

A proposta do projeto Brasil Mais TI é proporcionar o despertar vocacional para os jovens entre 16 a 25 anos e contribuir para entrada de novos profissionais no setor de Tecnologia da Informação (TI) que está em franco processo de crescimento e considerado estratégico para o Brasil. Para isso, o projeto oferece cursos básicos e avançados, bem como a geração de informação profissional aos interessados nas diversas áreas de TI.

Gostou da dica de hoje? Então se segura na cadeira que o melhor eu vou revelar agora: todos os cursos são online gratuitos e com certificados.
O que você está esperando? Compartilha este texto nas redes sociais e corra lá no site e garanta a sua vaga. Acesse: www.brasilmaisti.com.br.

Mural de vagas
• A empresa Hydra Corona, em Tubarão, contrata analista ambiental e analista de logística. Necessário ensino superior completo e experência na área. Outras informações pelo twitter @ahoradoemprego.

• Empresa Tinefer Tintas contrata profissional para o setor de estoque/entregas. Sexo masculino. CNH AB. Idades – 18 a 30 anos. Salário R$ 1.350,00. Interessados devem enviar o currículo para o e-mail: tinefertintas@yahoo.com.br

• Loja Ortobom, em Braço do Norte, contrata vendedor com experiência. Interessados devem entregar o currículo na loja no centro de Braço do Norte.

• Loja Benoit com atuação em todo o Estado de Santa Catarina lançou o programa gerente trainee. Para participar, o jovem precisa ter o ensino médio completo. Outras informações pelo site benoit.com.br.