segunda, 09 de dezembro de 2019
Facebook Instagram Twitter Youtube
48 3053-4400

Agência de Inovação e Empreendedorismo da Unisul - AGETEC

Empreender! De que forma? Meu amigo pesquisador...

Professora Luciana Flor Correa Felipe apresenta o professor João Antolino Monteiro

Publicado em 13/11/2019 10h25

Empreender! De que forma? Meu amigo pesquisador...

O amigo pesquisador que convidei para abrir o projeto chama-se João Antolino Monteiro. Além de professor e economista tem uma bela família. Casado com a Sra. Neusi há mais de 30 anos, é pai de Eduardo, João Marcos e Pedro Augusto, e avô de Giulia e Lorenzo. 


Na UNISUL, atua como docente desde 2003; no ensino presencial nos cursos de Administração, Ciências contábeis e Medicina veterinária. E, no ensino a distância, coordena o curso de Pós-graduação em Gestão de Cooperativas de Crédito e participa do Projeto de extensão de Empreendedorismo e Inovação. 


Ainda coordena um Projeto de Extensão no campus Tubarão, em Economia Solidária e Arranjos Produtivos Locais: incentivo à inovação e ao empreendedorismo. Sua atuação ainda abrange a participação no Fórum Regional de Economia Solidária de Tubarão e a realização de oficinas, palestras e formação na área de economia solidária. 


Com seu jeito simples e cativante, o prof. João tem amplo reconhecimento em sua área de atuação, pois além de pesquisar e trabalhar com a economia solidária, esse é o seu modo de vida. Por isso, está sempre envolvido em feiras de sementes, hortas (para consumo próprio e comunitárias) e em trabalhos sociais. Com o Prof. João “não há tempo ruim”. Vamos ver o que ele tem a nos dizer sobre empreendedorismo social? Não tenho dúvidas que a leitura será um deleite...


Empreender? De que forma?

Todos os dias um número grande de homens e mulheres se lança à tarefa de construir caminhos para a sua sobrevivência, enfrentando desafios muitas vezes desproporcional aos resultados obtidos. A estes ousamos chamar de empreendedores. Pequenos e grandes negócios, privados e coletivos são iniciados e encerrados todos os dias. 


Segundo a coluna de economia do Globo do dia 26 de marco de 2019, no Brasil foram criados mais de dois milhões e meio de empresas, sendo que oitenta por cento desse total foram microempreendedores individuais (MEI). O número é grandioso, mas ao mesmo tempo preocupante, pois sabemos que muitos desses empresários lançam-se a essa jornada sem estar preparados para gerenciar um pequeno negócio. 


Sabe-se que independentemente do tamanho da empresa, a tarefa de fazer a gestão exige conhecimentos relativos à área administrativa. Além dos empreendedores privados, que buscam a sua sobrevivência, temos os empreendedores coletivos e sociais. Esses empreendedores não buscam somente resolver a sua situação particular, mas sim de um grupo de pessoas ou mesmo comunidades. 


Essas pessoas usam seus talentos para solucionar problemas inerentes à sociedade, focando em pessoas em situação de risco ou vulnerabilidade social. O empreendedor privado e o empreendedor social são diferenciados entre outras coisas pelo lucro. Enquanto o empreendedor privado busca criar lucros para si e para os investidores e o empreendedor social busca transformar a realidade social, criando valor para a comunidade. São inúmeros homens e mulheres que empreendem socialmente.


Hoje trago o exemplo da Associação dos diabéticos infanto juvenil de Tubarão, criada por mães e pais de crianças com diabetes tipo 1 e quem vem ao longo de mais de uma década construindo um olhar coletivo sobre como caminhar e enfrentar a doença. Até mais!!

_______________________________________________________________________________

Você sabia?

Que a Associação dos Diabéticos Infanto Juvenil de Tubarão – ADIJT realiza um trabalho de educação para o controle do diabetes tipo 1 em crianças, adolescentes e jovens? São em torno de 50 associados que tem na ADIJT um aliado na luta pelos direitos ao suporte a saúde. Visando angariar recursos para sua manutenção e apoio aos associados será realizado um jantar dançante no próximo dia 16. Participe. Contato (48) 99990-9170 (João).

______________________________________________________________________________

Fique atento!

A Pós-graduação em Gestão de Cooperativas de Crédito, ofertada na modalidade de educação a distância, aborda os principais âmbitos da administração específicos deste tipo de instituição financeira. O mercado de trabalho é amplo por ser considerado um dos maiores ramos do cooperativismo. O curso poder ser feito por qualquer graduado que deseja alavancar sua carreira em uma área de grande crescimento. Mais informações: www.unisul.br 


Professora Luciana Flor Correa Felipe: luciana.flor@unisul.br 

Professor João Antolino Monteiro: joaoantolino@gmail.com. 



VOLTAR
Banner ServerDo.in
Notisul - Um Jornal de Verdade
LIGUE E ASSINE (48) 3053-4400 Rua Ricardo José Nunes, 346 - Jardins de Pádova - Santo Antônio de Pádua - CEP: 88701-571 - Tubarão/SC
Copyright © Notisul - Um Jornal de Verdade 2019.