quinta, 17 de outubro de 2019
Facebook Instagram Twitter Youtube
48 3053-4400

Agência de Inovação e Empreendedorismo da Unisul - AGETEC

Modelistas: profissão em extinção?

Prof.ª Deisy D’Aquino Claudio: Coordenadora do Curso de Tecnologia em Design de Moda - Prof.ª Dyeli Fernandes: Professora de Modelagem do Curso de Tecnologia em Design de Moda

Publicado em 07/08/2019 00h21

No ciclo de desenvolvimento do produto de moda existem algumas profissões que exercem o seu papel de forma integrada e interdependente umas das outras para o sucesso de um produto.

Criação, modelagem e costura são exemplos desse universo, que estão completamente interligados e o profissional que domina ambas as áreas terá certamente um lugar garantido no mercado de trabalho.

Hoje vivemos uma mudança de era, a era da transição. É comum ao aluno de moda se deparar com preconceitos em relação a área profissional escolhida. Assim que decidem seguir seus sonhos defrontam-se com perguntas como: “vai fazer faculdade para ser costureira?”, sem imaginar que a indústria têxtil é muito ampla. Sim, o costureiro(a) é essencial para indústria, mas temos outras funções como estilista (criação de roupas, estampas, acessórios...), engenheiro(a) de produção e o modelista entre outros.

Um dos profissionais mais raros na ampla indústria da moda é o modelista. Um profissional disputado e dotado de muito talento, pois essa é uma etapa de grande importância para o sucesso da coleção.

Esse profissional é responsável pela construção de moldes de papel que seguem tabelas com medidas do corpo humano por meio de cálculos geométricos, assumindo a forma tridimensional de um corpo cheio de curvas e com necessidade de movimento.

Para indústria da moda, que não sobrevive sem o modelista, é preocupante a quantia de profissionais com formação nessa área, são poucos os alunos de moda que se especializam. É fácil perceber que a maioria dos acadêmicos acham a profissão ‘muito difícil’, justificando que a tia, a avó ou a mãe faz, esquecendo-se que um dia estas pessoas não farão mais e que a indústria necessita de um profissional em constante aperfeiçoamento.

A indústria 4.0 possui um importantíssimo papel para o crescimento e a competitividade das confecções na área de modelagem, desenvolvendo sistemas e equipamentos inteligentes, fáceis de aprender e usar, agilizando o desenvolvimento e otimizando a produção no segmento moda. Mas para aprender a lidar com essas ferramentas é imprescindível ter noção das medidas do corpo humano e dos processos de modelagem.

Com essa percepção, os professores de modelagem possuem como preocupação com novos métodos de ensino para encantar os alunos com o universo da modelagem, a fim de que descubram o quão prazeroso é construir um protótipo ou produto a partir das medidas do corpo humano por meio de geometria plana e 3D e programas computadorizados.

É necessário explorar os inúmeros caminhos da modelagem, desbravar o que é desconhecido aos olhos e desenvolver a coragem necessária para enfrentar os desafios que a indústria de moda nos propõe.

Onde estão os modelistas do futuro?

Você sabia?

O Curso de Tecnologia em Design de Moda da Unisul, possui laboratório de informática para aulas com os softwares Audaces moldes, Audaces encaixe, Corel Draw, Ilustrator, Photoshop e agora também em parceria com Molde.Me e com Coleção.Com, um PLM (gerenciador do ciclo de vida dos produtos dentro da indústria) focado nas necessidades cotidianas dos estilistas e profissionais da área de moda.

Fique atento!

Se você é apaixonado(a) por moda, fique atento, curso de Tecnologia em Design de Moda oferta aulas de degustação nas áreas de modelagem, desenho, projeto de coleção e Mercado de Personal Shopper. Entre em contato com a coordenação do curso para fazer sua inscrição por meio do telefone (48) 98871 5011


VOLTAR
Banner ServerDo.in
Banner ServerDo.in
Notisul - Um Jornal de Verdade
LIGUE E ASSINE (48) 3053-4400 Rua Ricardo José Nunes, 346 - Jardins de Pádova - Santo Antônio de Pádua - CEP: 88701-571 - Tubarão/SC
Copyright © Notisul - Um Jornal de Verdade 2019.