Pescaria Brava 

A crueldade realizada com três cães em Pescaria Brava deixou moradores revoltados no bairro Sertão da Estiva. Os cães foram mortos e posteriormente queimados. Nas redes sociais, diversas imagens e vídeos dos animais mortos circulam mostrando a barbárie. Segundo informações da Ong Faro Animal de Capivari de Baixo, a dona dos cães sentiu falta de seus cachorros e foi informada por vizinhos, que eles poderiam estar em um sítio de propriedade privada. Chegando ao local, ela constatou que os animais estavam mortos. De acordo com Marilda Alves Guimarães de Castro, dona dos cães, o proprietário deste sítio já tem histórico de maldade com animais. Os três cachorros teriam sido mortos porque queriam acasalar com a cadela do proprietário do sítio. “Eles foram enforcados e ainda chegaram a colocar fogo para esconder as provas, quando chegamos. Estou muito indignada, entrei em estado de choque. Nós queremos justiça, eles faziam parte da família”,afirma Marilda. O caso ocorreu nesta terça-feira (27).

A polícia militar foi acionada e registrou um boletim de ocorrência e agora segue sob investigação, aos cuidados do delegado Flávio Costa Gorla da Central de Polícia de Laguna. Quando os policiais chegaram, um funcionário do sítio em que os animais foram mortos fugiu. Ainda de acordo com moradores da localidade, o proprietário e o funcionário seguem foragidos.

Um inquérito policial foi instaurado e de acordo com o delegado, as investigações seguem na tentativa de identificar e intimar os suspeitos. “Todas as pessoas envolvidas serão intimidadas e caso confirmada a participação dos suspeitos após investigações, eles poderão pegar uma pena de até dois anos de regime fechado”, informou o delegado responsável pelas investigações, Flávio Costa Gorla.

O inquérito policial tem 30 dias para ser finalizado.